11 coisas assustadoras que as pessoas faziam no passado 

Podemos observar muita coisa com o passar do tempo, como nossas atitudes, o avanço da tecnologia, as maneiras de abordar alguns assuntos. Por tanto, vemos as mudanças nas coisas quase que diariamente, nem sempre percebemos esses fatos e acontecimentos, mas, se você parar para pensar, vai ver que muita coisa mudou, aquilo que as pessoas tinham o hábito de realizar pode ser assustador. Pensando nisso, confira as 11 coisas malucas que as pessoas faziam e só percebemos tempos depois;

1 – Massageador 

Por mais estranho que pareça esse objeto está à venda até nos dias atuais, ele existe desde 1930.

2 – Protesto

Um time argentino resolveram protestar devido a atitude da mídia em 1973, o título era na Copa do Mundo, e o time acabou ficando esquecido pela mídia, todos os jogadores se fantasiaram de fantasmas como protesto.

3 – Ferro no cabelo

Era uma prática muito comum entre as mulheres passar ferro no cabelo para deixá-lo liso.

4 – Escravidão

Esse é um acontecimento histórico que existia no passado, na imagem vemos uma criança filha de brancos brincando como se a outra pessoa fosse um objeto.

5 – Bronzeamento

Existiam bombas que era responsável pelo auto bronzeamento, nos anos 50 isso era muito comum.


6 – Brincadeiras

Essa imagem representa as brincadeiras das crianças de antigamente, por mais perigoso que seja elas se divertiam bastante.

7 – Omelete gigante

7.200 ovos foram usados para realizar o omelete gigante de Chehalis em 1931, com a Grande Depressão a cidade americana realizou o evento que permanece até hoje.

8 – Carrinhos de bebê

Nos anos 40 os veículos não tinham tanta proteção como atualmente para os bebês.

9 – Cigarros

Uma das propagandas de cigarros de antigamente, “é melhor você acender uma cigarro Marlboro”.

10 – A doença

A difteria foi responsável por tirar a vida desses cincos irmãos, eles morreram em uma única semana de 1903.

11 – Pasta de dente

Sim o creme dental tinha substâncias proibidas. Elas eram vendidas no século XIX.